quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Resenha: A geografia de Nós Dois

Autora: Jennifer E. Smith
Ano: 2016
Editora: Galera Records
Epub com 238p


“Queria que você tivesse aqui”


A HISTÓRIA....

 “Lucy mora no vigésimo quarto andar. Owen, no subsolo... E é a meio caminho que ambos se encontram — presos em um elevador, entre dois pisos de um prédio de luxo em Nova York. A cidade está às escuras graças a um blecaute. E entre sorvetes derretidos, caos no trânsito, estrelas e confissões, eles descobrem muitas coisas em comum. Mas logo a geografia os separa. E somos convidados a refletir... Onde mora o amor? E pode esse sentimento resistir à distância? Em “A Geografia de Nós Dois”, Jennifer E. Smith cria tramas cheias de experiências, filosofia e verdade.


“Acho... que estamos no centro exato do mundo como um todo”


O QUE ACHEI...

Cheguei ao livro por uma indicação da Melinda (Youtuber) e confesso que esperava mais, mas é o que eu sempre digo, “Crie um gato, mas não crie expectativa”.
A história pra mim precisava de alguma movimentação, a descreveria como apática, muito linear. O início do livro te faz crer que a história vai ter muitas reviravoltas, emoções, mas não. Sem falar que a divisão dos capítulos não me agradou. Sinceramente, um capítulo com 5 linhas não pode ser a emoção de um livro. Além disso, os personagens não tem força, a meu ver, não é o tipo de obra que indicaria a leitura.
Em algumas resenhas as pessoas o descrevem como muito fofo, o que eu também não vislumbrei. A autora alterna as perspectivas pelos capítulos, mas não consegue criar uma conexão entre as partes, nem fazer com que me apegasse aos personagens, foi bem difícil concluir a leitura.
Enfim, não é um livro horrível, dá pra ler, mas não foi uma leitura prazerosa ou que eu repetiria.